terça-feira, 10 de março de 2009

XVIII Encontro da Nova Consciência - Parte I

Eu já expressei várias vezes (no meu antigo fotolog e há pouco tempo aqui no blog) o meu amor por este evento que ocorre em todos os carnavais na cidade de Campina Grande, na Paraíba (cerca de 120km de João Pessoa). Como residente da cidade e tendo uma mãe espiritualizada, fui levado ao evento algumas vezes na minha adolescência. Mas a vontade de desenvolver meu lado espiritual ainda não tinha surgido forte na minha vida, e, vejam só, o que me atraíu de verdade ao evento foi a sua expansão a áreas distintas da religião. Em 2000 eu aprendi a jogar RPG com alguns amigos e estava ansioso para jogar o famoso Vampiro: A Máscara, do qual tanto ouvia falar e pelo qual me interessava por ser apreciador dos livros vampirescos de Anne Rice (o mais famoso deles é Entrevista com o Vampiro, que deu origem ao filme de 1994 com Tom Cruise, Brad Pitt, Antonio Banderas e a então criança Kirsten Dunst). Eis que em 2001 surgiu na programação do evento o I Encontro de RPG. Um cara viria de fora da cidade para montar fichas de personagens pela manhã, jogar no espaço do evento à tarde e concluir tudo em um live action à noite! Um live action!!! Para os leigos, trata-se de uma partida de RPG encenada, normalmente com os jogadores vestidos à caráter e atuando como seus personagens. Eu e meus amigos ficamos deslumbrados e participamos desse evento.
Esse evento em especial me deixou recordações preciosas, por outras razões que não explicarei ou me alongarei em demasiado (mais do que já irei me alongar =P). No ano seguinte, recebi três amigos de Recife e fomos a algumas palestras com focos mais espirituais. E, aos poucos, passei a apreciar como nunca a pluralidade de temas abordados naquele evento, frequentando os mais espiritualistas, os mais fantásticos e os mais curiosos. Lembro de participar... do Encontro de Ateus e Agnósticos, do Encontro de Literatura Fantástica, do Encontro de Haikai, do Encontro de Pré-História Paraibana, do Encontro de Ex-Ufólogos, do Encontro de Anime, do já citado Encontro de RPG, e inúmeros outros. Além de acompanhar frequentemente as palestras do evento principal, mais voltadas a temas como a paz, o desenvolvimento da alma, a salvação do planeta, etc. E aí vi palestras de bispos, pastores, espíritas, monges budistas, hare-krishnas, membros do Santo Daime, seguidores de Sai Baba, wiccanos, ciganos, babalorixás, além de médicos, físicos, cientistas, escritores, astrólogos, tarólogos e mais uma porção de pessoas que eu certamente esqueci. Não posso deixar de citar as duas palestras que vi no evento (em 2001 e em... 2006 ou 2007, acho) do médium Divaldo Pereira Franco (tive o prazer de ver duas outras exposições suas, em outras oportunidades), o maior palestrante que já conheci. Quem não conhece, recomendo que vá a uma de suas palestras. Mesmo que não seja espírita, não creia em reencarnação, etc., dê uma chance a Divaldo e ele irá lhe conquistar. Vocês podem ficar de olho se ele vai à sua cidade no seu site oficial: http://www.divaldofranco.com/, na seção Agenda. Recomendo que ouçam sua maravilhosa palestra sobre o amor: http://www.youtube.com/watch?v=MKLgiEEsQwE. Há inúmeras outras em áudio no YouTube, e trechos em vídeo.

O Encontro foi fundado em 1992, aproveitando a mesma época na qual ocorria o MIEP, um encontro espírita, na cidade. Alguns anos depois surgiu o CRESCER, um evento católico. E a cidade começou a se tornar referência no assunto teológico. Surgiu então o Encontro da Consciência Cristã, evangélico. E até mesmo um outro evento protestante, organizado por outra Igreja. E o Amigos da Torá, judaico. Destes, apenas o MIEP sempre manteve uma relação agradável com a Nova Consciência, inclusive alguns dos palestrantes de um aproveitavam para palestrar no outro também. Há alguns anos, os membros da Consciência Cristã começaram a interferir no nosso evento. Apareciam nas proximidades do Teatro (onde anualmente ocorria o evento) para panfletar. Em outros anos, ofereciam água e se você aceitasse lhe puxavam para conversar sobre Jesus. Quero deixar claro que não tenho nada contra religião alguma. Pelo contrário, aprecio a diversidade de orientações espirituais, o que só prova que somos todos diferentes e fomos submetidos a diferentes situações, portanto nada mais normal que termos credos distintos. Também friso que creio em Jesus Cristo, só não sou exatamente adepto de uma religião específica, porque prefiro conhecer diversas opiniões, e formular a minha própria. Aliás, um dos mais ilustres e frequentes participantes do Encontro foi o falecido pastor presbiteriano Nehemias Marien, um homem fantástico.
Mas continuando a versar sobre a Consciência Cristã, em 2007 eles realizaram ataques de intolerância e homofobia. Agressão moral no Encontro de Homossexualidade. Agressão moral e praticamente física à babalorixá Sandra Iyá. Incendiaram latas nas escadas do Teatro, atrapalhando o evento, etc. Foi redigido um manifesto e inúmeros participantes do Encontro assinaram, para ser entregue às autoridades locais, buscando evitar novos atos de intolerância. A situação religiosa na cidade só piorou desde então. Todo tipo de manifestações contrárias ao evento foi realizado.
Também, há alguns anos o evento vem sofrendo de problemas orçamentários. Dependente do patrocínio governamental e municipal, a cada ano a verba chegava mais atrasada, os folders saíam mais tarde, a própria programação na Web mais em cima da hora. Este ano foi a gota d'água. A verba municipal foi dada à Consciência Cristã (o vice-prefeito é um protestante conhecido), mas inventaram um atraso no envio da documentação da Nova Consciência e não repassaram à ONG que cuida do evento. Pra piorar, a prometida verba estadual não veio porque o governador foi cassado na semana que antecedeu o carnaval e o novo cortou as verbas prometidas até que soubesse do que se tratava. Então, a maioria dos palestrantes de outras cidades teve que ser retirada às pressas da programação, por falta de verba para trazê-los e acomodá-los. A organização disse ter aprendido a lição e que já garantiu um patrocínio forte para 2010, que não vão mais depender de dinheiro público. Com tudo isso que vem acontecendo, muitas discussões têm sido feitas acerca de como podemos salvar o evento. Sugeriram até mesmo levá-lo para outra cidade mais receptiva. Mas todos têm fé de que podemos salvá-lo em Campina. Só espero que sobrevivamos à imensa concentração de pessoas contrárias à realização do Encontro.

Em meio a tudo isso, assisti à minha primeira palestra da décima-oitava edição. Tratava-se do Fórum sobre Identidade e foi mais um debate que uma palestra em si. Conduzido por um moderador, o professor de História da UFCG, o espírita mineiro José Otávio, apresentou um pouco sobre filosofia, história das religiões, história da intolerância, e a própria sobrevivência do evento participou do debate. Algumas das poucas pessoas na platéia expuseram suas opiniões e foi uma manhã de sábado bastante proveitosa.

No mesmo dia assisti à palestra Sócrates e o Combate: A Presunção da Verdade, proferida pelo professor de Filosofia da UFCG Oscar Lira. Realizando uma comparação entre pessoas que contestaram o modo de viver atual e foram mal-compreendidas pela sociedade, como Sócrates e também Jesus Cristo. Interessante é a frase de Sócrates: "Tudo sei é que nada sei". E assim, por admitir que nada sabia, ele demonstrava ser mais inteligente que as pessoas que pensavam saber algo, quando ninguém se aproximava das verdades. Dono de uma retórica excelente, o professor Oscar jamais deixou a platéia desanimar.

À noite, presenciei a uma palestra do astrólogo pernambucano Haroldo Barros, sobre Astrologia, Ciclos de Vida e Evolução. Como admirador da arte de observar o posicionamento dos astros no céu como indicativo do que pode nos suceder, apreciei em demasiado conhecer um pouco mais acerca de como os mapas astrais são feitos. Na astrologia, cada dia representa um ano. O que isso quer dizer? Que o posicionamento dos astros no céu nos 10 primeiros dias de vida de uma pessoa são um indicativo de seus 10 primeiros anos. Interessante também foi saber que o mapa astral de Barack Obama é extremamente similar aos de Abraham Lincoln e Franklin Roosevelt. E Obama deve ser cuidadoso, porque os outros dois não concluíram seu mandato. Sempre bem humorado, Haroldo conduziu a palestra com brilhantismo, chegando ao ponto de observar o mapa astral do Lula e de abrir o espaço para questionamentos da platéia. Se eu já me interessava por Astrologia, fiquei desejoso de estudar essa arte e fazer eu mesmo meu mapa astral.


Bem, abaixo há algumas imagens de antigos folders do evento, retiradas do site oficial. No próximo post continuarei narrando os melhores acontecimentos de minha passagem pelo XVIII Encontro da Nova Consciência.






Concluirei esta primeira parte do meu relato do evento de 2009 com um poema do supracitado Divaldo Franco. É um poema reencarnacionista, então os que não tiverem essa crença, estão livres para ler apenas caso desejarem conhecer uma belíssima oração.


Poema de Gratidão

Muito obrigado Senhor!
Muito obrigado pelo que me deste e pelo que me dás.
Pelo pão, pela vida, pelo ar, pela paz.

Muito obrigado pela beleza que os meus olhos vêem no altar da natureza.
Olhos que fitam o céu, a terra e o mar
Que acompanham a ave ligeira que corre fagueira pelo céu de anil
E se detém na terra verde, salpicada de flores em tonalidades mil.

Muito obrigado Senhor!
Porque eu posso ver meu amor.
Mas diante da minha visão
Eu detecto cegos guiando na escuridão
que tropeçam na multidão
que choram na solidão.

Por eles eu oro e a ti imploro comiseração
porque eu sei que depois desta lida, na outra vida, eles também enxergarão!

Muito obrigado Senhor!
Pelos ouvidos meus que me foram dados por Deus.
Ouvidos que ouvem o tamborilar da chuva no telheiro
A melodia do vento nos ramos do olmeiro
As lágrimas que vertem os olhos do mundo inteiro!

Ouvidos que ouvem a música do povo que desce do morro na praça a cantar.
A melodia dos imortais, que se houve uma vez e ninguém a esquece nunca mais!
A voz melodiosa, canora, melancólica do boiadeiro.
E a dor que geme e que chora no coração do mundo inteiro!

Pela minha alegria de ouvir, pelos surdos, eu te quero pedir
Porque eu sei
Que depois desta dor, no teu reino de amor, voltarão a sentir!

Obrigado pela minha voz
Mas também pela sua voz
Pela voz que canta
Que ama, que ensina, que alfabetiza,
Que trauteia uma canção
E que o Teu nome profere com sentida emoção!

Diante da minha melodia
Eu quero rogar pelos que sofrem de afazia.
Eles não cantam de noite, eles não falam de dia.
Oro por eles
Porque eu sei, que depois desta prova, na vida nova
Eles cantarão!

Obrigado Senhor!
Pelas minhas mãos
Mas também pelas mãos que aram
Que semeiam, que agasalham.
Mãos de ternura que libertam da amargura
Mãos que apertam mãos
De caridade, de solidariedade
Mãos dos adeuses
Que limpam feridas
Que enxugam lágrimas e dores sofridas!

Pelas mãos de sinfonias, de poesias, de cirurgias, de psicografias!
Pelas mãos que atendem a velhice
A dor
O desamor!
Pelas mãos que no seio embalam o corpo de um filho alheio sem receio!
E pelos pés que me levam a andar, sem reclamar!

Obrigado Senhor!
Porque me posso movimentar.
Diante do meu corpo perfeito
Eu te quero rogar
Porque eu vejo na Terra
Aleijados, amputados, decepados, paralisados, que se não podem movimentar.

Eu oro por eles
Porque eu sei, que depois desta expiação
Na outra reencarnação
Eles também bailarão!

Obrigado por fim, pelo meu Lar.
É tão maravilhoso ter um lar!
Não é importante se este Lar é uma mansão, se é uma favela, uma tapera, um ninho, um grabato de dor, um bangalô, uma casa do caminho ou seja lá o que for.

Que dentro dele, exista a figura
do amor de mãe, ou de pai
De mulher ou de marido
De filho ou de irmão
A presença de um amigo
A companhia de um cão
Alguém que nos dê a mão!

Mas se eu a ninguém tiver para me amar
Nem um teto para me agasalhar,
nem uma cama para me deitar
Nem aí blasfemarei.
Pelo contrário, eu te direi

Obrigado Senhor!
Porque eu nasci!
Obrigado porque creio em ti
Pelo teu amor, obrigado senhor!


Divaldo Franco
(retirado do site
http://br.answers.yahoo.com/question/index?qid=20080826074639AAa4HgR )

4 comentários:

Denise do Egito disse...

Elvis, nossa, muita coisa pra falar sobre tudo isso. Sábio Sócrates, né? Salvei o site do Divaldo e o link do YouTube. Voltarei mais tarde para vê-los. Quanto à astrologia, tb tenho enorme curiosidade. Obama e Roosevelt? Engraçado isso. =)
Beijocas

alex marques disse...

Grande Elvis, como sempre entusiasta... apesar de morar grande parte de minh avida em Campina Grande, nunca participei do encontro, motivo: Sou católico de pai, mãe e parteira e por não conhecer bem a grande variedade de temas abordados, eu meio que "torcia o nariz" para o evento.

Amo filosofia de paixão embora nunca tenha me aprofundado no assunto(não por falta de interesse) e certamente no próximo ano buscarei conhecer a programação de palestras para participar de algumas.

Vou aproveitar sua deixa e pular a parte da oração...pelo motivo anteriormente citado tenho algumas convicções religiosas, porém acho um absurdo a troca de hostilidades entre certos tipos que se dizem religiosos. Acho que se buscar a paz através de um Ser Superior é importante para que possamos fugir de inúmeros males do mundo moderno.

Até mais e passemos à segunda parte!

Giuliana disse...

Ai, queria tanto ir num negócio desses. Adoraria ir nas palestras, discutir e argumentar, acho valioso demais um discussão desse nível.

E eu fiz um bolão com meu pai, ele deu dois anos pro Obama. Eu acho que ele não dura até o fim do ano. :P
Bjos, saudades!

Elvis "Wolvie" disse...

Pessoal, obrigado pela visita e pelos comentários!

Denise, pois é, Sócrates foi o primeiro grande sábio da humanidade de que se tem notícia. Talvez seu discípulo, Platão, tenha sido ainda mais sábio.

Alex, a variedade de temas do evento é incomparável. Vale a pena dar uma conferida, acho que pode agradar a todos os gostos. =D

Pois é, Giu! Também adoro esse tipo de discussão. Quem sabe você não vai um ano desses? Se tiver morando em Recife fica mais fácil!
E... nossa! Espero que Obama dure dois mandatos! =P